A Ideologia do Género!

Um dos adágios populares da minha terra diz que se não quiser perder amigos, a política, o futebol e a religião devem » ficar de fora».

Mas será possível seguir as regras desse ditado popular?! Só se for no futebol! Porque, quanto há política e há religião, disso todos nós temos um pouco.

Aliás, tudo o que fazemos é política e por vezes numa perspectiva religiosa.

Nesta minha segunda crónica para o jornal A Voz Ibérica, irei escrever um pouco sobre a ideologia do género e a sua finalidade oculta de destruir o que há de mais sagrado, a família. 

Noé.

O nome Noé, está e sempre estará associado a uma Arca cuja finalidade era de conservar por casais, macho e fêmea, todas as espécies de animais conhecidas no seu tempo.  O mesmo é instruído a colectar sete casais dos animais considerados »  limpos » de cada espécie e apenas um casal de cada espécie dos considerados animais »  sujos ou   imundos «. Sete casais de pombos para um casal de corvos, sete casais de ovelhas para um casal de porcos e por aí adiante. 

Noé escolhe casais e não » pares». Noé tinha a noção básica de que para poder conservar todas as espécies, e as mesmas se multiplicarem ao saírem da Arca depois do dilúvio, teriam de ser macho e fêmea.

Ao fim de quarenta dias e de quarenta noites de temporal e de fortes chuvas a bonança chegou.  Dizem os   experts   na matéria que a Arca de Noé ficou parada sobre o Monte Ararat na Turquia a 5 de Maio de 2348 A.C.

O que seria do planeta terra sem o princípio de sexualidades distintas. O que seria do planeta terra se a hetersexualidade tivesse sido extinta entre os seres humanos e as espécies animais, e onde estaria George Soros e outros como ele, hoje, nestes labirintos de » lobbies anti natura» ?! 

Há quem afirme que todas estas coisas que ultimamente se têm vindo a divulgar e a promover através dos mais variados meios de comunicação  só têm um objectivo, o de gradualmente reduzir a população mundial. 

Autênticos crimes contra a Humanidade.

As flores, as abelhas, os pássaros, o rir de uma criança, o olhar de cúmplicidade de uma casal de idosos, um para o outro depois de tantas lutas e de tantas vitórias conjuntas, etc…Fará sentido que agora se procure criar teorias para mudar o género humano? Como é possível tanta presunção da parte de alguns indivíduos que se julgam » senhores do planeta» ao ponto de quererem  mudar a nossa orientação sexual, a nossa natureza humana!

Tenho vindo a constatar que em nome da »  chamada » liberdade pessoal, hoje mais do que nunca, as escolhas de certas ideologias deixaram de ser uma opção mas sim uma imposição. Não faltam lobbies camuflados com a missão de quase impor às nossas crianças e adolescentes regras de vida que são uma autêntica aberração. É a nós, pais e educadores de infância que nos compete dar a educação e a formação de um life-style saudável em todas as vertentes.  Para o nosso bem e para o bem das futuras gerações. 

E Noé! O que diria hoje…

Pense nisto.

Davide Pereira, Ph.D.

Helsínquia, Finlândia.

1 pensamiento sobre “A Ideologia do Género!

  1. Por essas e outras que impuseram o tal de “politicamente correto”, para que o exército de abobalhados venham tentar nos impor inclusive “pensamentos” (por óbvio que o deles)…
    Parabéns pelo excelente artigo!

Deja una respuesta